quinta-feira, 7 de maio de 2009

Hipoterapia


Segundo a conclusão de um estudo científico elaborado por Isabel Relvas Pires (e orientada por Dr.ª Antónia Costa) intitulado “Passo, Trote, Galope, três andamentos para três cavaleiros” ou reflexões sobre uma experiência de hipoterapia na área do autismo, os resultados deste estudo preliminar sugerem que a hipoterapia pode de facto desenvolver alterações significativas em questões de temperamento, comunicação, interacção, actividade motora e comportamento adaptativo.
Se é pai ou mãe de uma criança com deficiência do foro mental, Sindroma de Down, paralisia cerebral, autismo, Spina Bífida, traumatismo craneano, multideficiência, dificuldades de aprendizagem, problemas de comportamento ou até insuficiência cardíaca considere a hipoterapia como algo que poderá ajudar o(a) seu(sua) filho(a).

Por hipoterapia entende-se a técnica reeducativa onde todo o organismo participa (global) e onde os movimentos independentes e isolados se fazem com precisão (analítica) utilizando o passo do cavalo como utensílio. Porquê o cavalo? Simplesmente porque o passo equídeo proporciona sensações de ritmo e repetição que se assemelham aos movimentos da pélvis aquando do caminhar humano. Numa sessão de hipoterapia, no início um cavaleiro passivo, absorve os movimentos provocados pela deslocação do animal. Os movimentos da criança que, de início são automáticos, funcionando somente como uma reacção de sobrevivência, vão-se transformando pouco a pouco num movimento natural. Depois, vem o prazer de conseguir uma estabilização no âmbito físico e motor, além do aumento progressivo do relacionamento e da afectividade, do psiquismo (imagem de si próprio, confiança em si), através da actividade lúdico-desportiva.

O facto de estar a lidar com um animal, um ser vivo e não uma máquina pode surtir efeitos benéficos quanto a lesões sensoriais cognitivas e comportamentais da criança.

1 comentário:

Os Perola Negra disse...

Gostei muito do vosso blog, esta muito interessante.
Visitem o meu : http://coudelariamanuelfaustino.blogspot.com/
Obrigado ^^